quinta-feira, janeiro 15

QUERO QUE REAJAM TODOS ASSIM


Há jogadores que, quiçá pelo seu espírito mais recatado, pela falta de sorte em cair nas graças de alguém, pelo momento em que aparecem ser menos propício à "histeria colectiva", passam um pouco mais ao lado dos holofotes e das capas do protagonismo...
Rúben Amorim é um desses jogadores. Raçudo, forte e apaixonado, porém discreto.
Não é a este facto que me refiro no título, não tenho qualquer problema com jogadores mediáticos, desde que isso não afecte o seu desempenho onde ele é avaliado, no relvado.
Todos os Benfiquistas reconhecem nele "A garra, a força e o querer!!" e já vários cantinhos da nossa Blogosfera o homenagearam mas falar em alguém assim nunca é demais e a mensagem tem que chegar cada vez mais longe.
Deixem-me relembrar-vos que Rúben Amorim é o sócio nº 18 301 do Sport Lisboa e Benfica e desde 1985 (ano do seu nascimento). Isto poderá dizer já alguma coisa acerca do ponto onde quero chegar...Rúben Amorim, é de facto 'Benfiquista desde pequenino', frase utilizada (pelos outros) vezes sem conta, com ironia, sempre que é apresentado algum reforço, principalmente estrangeiro, a tecer elogios, (merecidos, diga-se) ao clube mas, neste caso, o cartão que exibiu orgulhosamente aquando da sua apresentação, confirma a veracidade da expressão. Porque vos falo hoje de Rúben Amorim?
Em primeiro lugar, porque é jogador, adepto, funcionário, apaixonado, sofredor, ilustre, feliz e sócio do nosso clube, do nosso glorioso e em segundo lugar porque foi hoje, com Aimar, visitar o colégio Atlântico no âmbito do projecto "Benfica faz bem", como noticia o Record. Deram autógrafos, tiraram fotografias, deram uma alegria enorme àquelas crianças e responderam também a várias perguntas mas... fica uma retida: "O que fazes quando o Benfica perde um jogo?" E foi a resposta do nosso 15, caros Benfiquistas, que deu o mote a este título... "Vou para casa e fecho-me num quarto." E é isto que me enche de orgulho, sentir a mística num jogador tão jovem e é isto que me faz desejar que este sentimento seja multiplicado por todo o plantel, como que um vírus e que contamine o balneário...
Fechem-se, sofram, chorem, acumulem raiva para entrarem demolidores no jogo seguinte!! Não peço mais nada...apenas que sintam o mesmo que eu, quando o Benfica não ganha.


AMO-TE SPORT LISBOA E BENFICA

10 comentários:

E.T. Benfiquista disse...

Ok, não sei se isto vai sair bem mas aqui vai:

O Ruben é um rapaz porreiro. Ao inicio andava "naquela" e não sabia muito dele. Depois de o ver jogar umas vezes lá cheguei à conclusão de que ele é um óptimo jogador não fosse ele ter o BENFICA como clube de coração!!!

Ok, o meu comentário está feito. Agora se ficou "meio mal" não sei. Contentem-se de vir de um Benfiquista que já chega (a não ser que a Lua não goste / ouviste bem)! :P

P.S.: sou o primeirooooo! :)

Red Sniper disse...

"Sê sempre como a lua, que mesmo solitária, nunca deixa de brilhar"

margaridabenfiquista disse...

Pois é para quem estava com tanto receio de enveredar pela "carreira"de bloguista!!! isto foi o primeiro apenas uma pequena amostra do que aqui vai se vai passar, eu não saio mais daqui simplesmente magnifico artigo, muito bem escrito ( isso eu ja sabia que o fazias) e de um enorme benfiquismo.

Quanto ao artigo concordo plenamente, Ruben Amorim é um grande benfiquista e enorme jogador, por vezes esquecido pela maioria dos benfiquistas, que não lhe dão o devido valor.
é nosso e é português.

beijocas Luazinha
..

LuaSLBENFICA disse...

É verdade E.T., jogar no clube do coração tem logo outro valor, há uma força que transcende o profissionalismo e os faz superarem-se. Eu acredito nisto =)

Beijinhos para ti

Caro Red Sniper, nem sabe como fico feliz de o ver aqui =)) E espero que seja uma constante!! Que este espaço lhe agrade e se sinta como na Catedral, em casa =)
*****Saudações********


Ai Maggie...são os teus olhos de madrinha e muito obrigada pelo voto de confiança =)) mas eu vou cobrar, ai não sais mais daqui não! hehehe =)
E numa frase disseste tudo
"É nosso e é português"!
Beijinhos grandes*****************

prl disse...

Tenho as minhas reservas em relação ao jogador Ruben Amorim. Em relação ao Homem, não tenho absolutamente nenhumas, é do Benfica, parece bom profissional, tudo a favor.

águia_livre disse...

TOU QUE NEM POSSO

É este de facto o sentimento que sinto depois de ler este BRILHANTE artigo.

Também gosto da forma de jogar do Rúben Amorim. Também já lhe fiz a merecida homenagem.

Grande Lua, que se inicia em grande plano.

Fica bem
.

Vítor Sérgio disse...

Há, quanto eu aprecio estas palavras, este sentir, esta paixão, este amor! Eu que sou dos velhos tempos em que a equipa do Benfica só tinha benfiquistas e portugueses, que sentiam a camisola, que transpiravam em bica todos os minutos e segundos de um jogo, qualquer que ele fosse, que comiam a relva!... Muitos podiam não ser muito dotados, e ate nem eram, tecnicamente falando. Falo-vos de Cruz, Neto, Ângelo, Mário João, a título de exemplo. Mas era nestes esteios de raça e querer Benfiquista, que davam em campo todos os litros (não apenas "o litro") que tinham, que se apoiavam as estrelas, Águas, Coluna, Santana, José Augusto, Simões, Eusébio, elas também cheias de querer e "raiva" para fazer as maravilhas que encantaram o mundo, que fizeram vergar as estrelas do Real Madrid e que fizeram tremer as estrelas, Pelé e companhia. Ai que saudades daquela Mística! Saudades essas que agora se recordam como um bálsamo na escrita desta, presumimos quase de certeza, juventude! Que mostra a mesma Paixão, a mesma Alma Imensa, que sente como antigamente e que se revolta por não sentir em todo o que veste o Manto Sagrado o mesmo ardor à sagrada camisola que enverga. Com juventude desta, o Glorioso Benfica, o Velho e sempre Novo Benfica (não confundir com nome de um certo bloguer, não o blog), sairá sempre renovado e haverá de ser novamente ainda mais pujante e Glorioso! Porque não é o jogador que tu, muito justamente, enalteces. Nele, enalteces e glorificas a Alma Gloriosa, a Paixão Imensa que começou num grão pequeno e modesto, germinou e expandiu-se como rastilho flamejante até se tornar no palpitar da maioria das almas portuguesas, se expandir na Gesta Lusitana e abraçar corações de outras paragens, outras raças e religiões, até se tornar no Maior e Mais Querido do Mundo!
Amo o Benfica há tantos anos! Amo-te "Lua" no teu Benfiquismo jovem e pujante, pleno e ardente! E, principalmente, naquela nostalgia tão adorada e que tornaste tão presente!

Viriato de Viseu disse...

Soberbo poste aqui foi escrio pelo ENORME Vitor Sergio.

Tive a honra e a felicidade de ver jogar todos aqueles monstros que tiveram também a honra de vestir o MANTO SAGRADO.

Na realidade uma Orquestra é formado por instrumentos afinadissimos como são o OBOÉ, VIOLINOS,PIANOS,CLARINETES,SAXOFONES,FALAUTAS,FLAUTINS e outros que tais.
Mas tem que haver nessa afinadissima orqustra também os Trombones,Trompetes,Cornetins,Contra-baixos, bombos, pandeirtas,ferrinhos e outros tantos.

Os afinadíssimos José Augusto,Aguas,Coluna,Eusebio,Simões,Santana,Germano,Humberto Coelho,Alves,Nené, Clalana,Espirito Santo,Sheu,Pipi e muitos outros, não levariam a partitura até ao fim em apoteose e pateada, sem os Saraiva,Angelo,Cruz,Mario João,Cavém,Malta da Silva,Adolfo,Matine,Messias e tantos, tantos,tantos outros.

Para todos eles vai o meu BEM HAJA pelo suor e sangue que derramaram em prol do nosso GLORIOSO!!!

Já que estou com a mão na massa, aplaudo também todos aqueles Benfiquistas que nesses tempos enchiam por completo a nossa CATEDRAL, apoiando, incentivando e empurrando o nosso GLORIOSO para as vitórias.

Enfim...só temos exemplos dos bons para seguir!!!

Red Sniper disse...

Como é fácil entrarmos na máquina do tempo e recuarmos uns anos para recordar os bons velhos tempos do " INFERNO DA LUZ" da romaria à volta do Estádio,das manhãs de 2ª e 5ªa feiras no liceu abrindo o jornal A Bola para ler o que diziam sobre os jogos que nós tinhamos acabado de ver no dia anterior.O tempo,fiel depositário da história e das memórias de um incomparável símbolo do desporto nacional jamais permitirá que sejam apagados os nomes dos jogadores recordados pelos ilustres Vitor Sérgio e Viriato de Viseu,jogadores aplaudidos,vitoriados endeusados verdadeiros ícones de um clube cuja história se construiu à custa das muitas páginas de glória que se escreveram por essa Europa fora!
Agora que estamos num virar de mais uma página da história recente do Glorioso,como seria importante os nossos jovens atletas poderem sentir e enraizar um pouco do que de bom esses nomes deixaram como património!
Mistíca,palavra estranha,sem significado para muitos,e quanta força transmite para aqueles que como eu aprenderam desde muito pequeno o sentido que fazia olhar e admirar essa admirável bandeira!

GM disse...

O Ruben nao engana e todos aqueles que duvidaram da sua valia (no inicio de epoca) comecam agora a engolir em seco,mas muito mais vira no futuro pois o Ruben é um belissimo jogador.
Ate consegue jogar a direita quando o seu lugar "natural" e o de interior...

E PLURIBUS UNUM

Saudacoes Cara Lua,

Um Abraço a Todos Os Autenticos